16/04/2015

a chata veio atrasada.


Olá minha gente,

hoje venho um pouco atrasada e peço imensas desculpas, tanto a vocês como às minhas colegas do blog. Como prometido a semana passada venho-vos falar de um livro pelo qual me apaixonei, o título é ‘Eleanor & Park’ e pode ser um dos meus livros preferidos.


Por norma, há dois tipos de pessoas, as que desde sempre gostam de ler e as que desde sempre ler não lhes diz nada. Eu estou fora deste círculo, a minha pessoa aprendeu a gostar de ler e acerca de há 6 anos que ler me é tudo, eu respiro, leio, como, oiço textos. Eu vivo os livros. E ‘Eleanor & Park’ foi daqueles pedaços de papel que me fazem querer morrer agarrados a eles quando acabam.

Eleanor é uma rapariga ruiva e com peso acima da média que gosta de roupas masculinas e acessórios excêntricos, ou seja, de maneira nenhuma pode passar despercebida. Pelo contrário, Park é um rapaz meio coreano que se veste de cores escuras, ouve música e está sempre calado a ler. As primeiras impressões de ambos não são muito boas e só o tempo os leva a perceber que há muito para lá das aparências.

O livro mostra tudo menos a perfeição, mostra a família disfuncional da Eleanor com um padrasto abusivo e uma mãe que não se impõe enquanto Park têm de aturar um antigo militar que não entende a sua maneira diferente. A autora também expõe certos temas delicados, o preconceito e o bullying ou a maneira como os jovens se aceitam uns aos outros e a si próprios não podendo esquecer que o livro acontece há quase três décadas, 1986.

O que mais me maravilhou (e também o que mais me identifiquei) no livro é que Eleanor estava muito magoada com todos e consigo própria, podemos perceber isso pelo facto de ela começar a chorar tão facilmente mas ao conhece-lo ela muda, muda a maneira como vê as coisas e as sente, e no fim do livro ela está totalmente livre do que a deixava mal.



‘’Eleanor estava certa. Ela nunca estava bonita. Ela parecia-se com arte e arte não é suposto parecer bonita; é suposto fazer-te sentir alguma coisa’’


Autora: Rainbow Rowell
Editora: Chá das Cinco



Bom resto de semana Viajantes!
xox Mims

Sem comentários:

Enviar um comentário